Governo escuta empresários de Ceilândia e Samambaia

Vice-governador Paco Britto participou de reuniões e almoço com a comunidade e disse que GDF irá avaliar projetos

Com o intuito de ouvir e procurar atender às demandas dos empresários de Ceilândia, o vice-governador Paco Britto esteve, na manhã desta sexta-feira (7), em reunião com o administrador regional Marcelo Piauí e representantes empresariais da região, na sede da Administração Regional. Em seguida, Paco participou de um almoço com integrantes da Associação Comercial e empresários de Samambaia, em um sítio, no km 8 da BR-060.

O foco do encontro foi o Setor de Oficinas (Setor O), onde deverá ser instalado um contêiner para o descarte de peças velhas – carcaças de veículos –, a fim de manter o local limpo (livre do mosquito da dengue) e organizado. “Vamos atender, mas haverá fiscalização. Estou querendo normatizar, organizar o setor”, frisou Paco, referindo-se ao Termo de Ajuste e Conduta (TAC), que poderá ser utilizado na aplicação de multas, caso as empresas não atendam às regras.

Atento às explicações, o proprietário de uma loja de peças de veículos, José Mulato de Souza, o “Dedé”, fez questão de ressaltar a celeridade do governo em atender a classe. “Pela primeira vez, nós fomos recebidos tão rápido”, afirmou.

Outros assuntos tratados no encontro foram as placas de sinalização e indicação, incluindo uma específica de retorno para o Setor de Oficinas, que serão confeccionadas pelo GDF. “Vamos regulamentar isso”, garantiu Marcelo Piauí.

O administrador aproveitou para citar as melhorias na cidade feitas pelo GDF, na área da segurança, por exemplo, com a instalação de um Centro de Monitoramento no Quartel, no qual equipamentos acompanham a movimentação em tempo real; além de 90 policiais trabalhando nas ruas, com rondas periódicas; também falou sobre as hortas comunitárias desenvolvidas em becos ociosos da cidade; pavimentação da rede pluvial; e reforma de quadras, entre outras.

Projetos
Durante a visita do vice-governador à Administração Regional, Marcelo Piauí apresentou três projetos para a comunidade, com a revitalização dos espaços abandonados, como os encontrados na Praça dos Eucaliptos; no Abadião e na Estação Central do Metrô. A ideia é criar espaços culturais, de convivência, de lazer e de entretenimento à população. Os projetos deverão ser lançados em breve, mas ainda encontram-se em fase de licitação.

Samambaia
Paco Britto também esteve em Samambaia para participar, com cerca de 80 empresários do setor produtivo, de uma reunião durante almoço oferecido pela Associação Comercial, em um sítio na BR–060. O vice-governador enfatizou que o governo Ibaneis Rocha apoia constantemente o empresariado. “Queremos atrair mais empresas. Resgatar as que foram embora [do DF] e prestigiar as (empresas) daqui”, disse. “Por determinação do governo Ibaneis, vamos beneficiar o empresário local e girar a economia do DF”, garantiu.

O administrador de Samambaia, Gustavo Aires, parabenizou a iniciativa do governo e elogiou a forma de atuação, em trabalho conjunto com as administrações. “Como disse o vice-governador, a força vem das cidades, que giram a economia”, ponderou.

Dono de uma escola preparatória para concurso público e também da área virtual, e morador há quatro anos na Asa Sul, o professor Enaldo Freire, pai de duas filhas, é um empresário agradecido à cidade. “Samambaia foi o local que me abriu as portas. Em 20 anos de atividade, atendi presencialmente 20 mil estudantes do DF, principalmente, em Samambaia (70%)”, contou. “O governo oferece segurança para o empresário”, considerou. “Precisávamos ouvir isso do vice-governador”, elogiou, após ouvir o discurso de Paco, que destacou a importância do setor no crescimento econômico do Distrito Federal.

Fonte: Agência Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here