Sob pressão, São Paulo pega o Danubio pela Libertadores no Morumbi

sao-paulo_PatoA derrota para o Corinthians por 1 a 0, na estreia da fase de grupos da Taça Libertadores, ameaçou um início de crise no São Paulo. O técnico Muricy Ramalho, pressionado pela falta de resultados consistentes desde o ano passado, viu as críticas aumentarem. O meia Paulo Henrique Ganso, que atacou a arbitragem do clássico, pediu para ficar de fora do jogo seguinte – contra o Audax, pelo estadual. Mas, aos poucos, o clima no Tricolor melhorou.

É para manter a poeira baixa que a equipe enfrenta nesta quarta-feira, às 22h, o Danubio (URU), no Morumbi, pela 2ª rodada da fase de grupos do torneio continental.

Ganso está confirmado na equipe, assim como o atacante Alexandre Pato, que não enfrentou o Corinthians por conta da cláusula contratual – ele pertence ao Timão e está emprestado.

E Pato está animado com a nova chance no ataque tricolor: “A hora é essa, minha oportunidade é agora. Quero buscar esse título com o São Paulo. Para mim é a Liga dos Campeões, é a minha Copa do Mundo. É tudo para mim”, destacou o camisa 11.

Além disso, o técnico Muricy Ramalho ganhou, ao menos aparentemente, força para seguir no cargo. O presidente tricolor, Carlos Miguel Aidar, foi ao centro de treinamento conversar com o treinador e garantiu que ele ficará no cargo.

Confirmado no posto, Muricy deve mandar a seguinte equipe a campo nesta quarta à noite: Rogério Ceni; Bruno, Rafael Toloi, Dória e Reinaldo; Souza, Denilson, Paulo Henrique Ganso e Michel Bastos; Alexandre Pato e Luis Fabiano.

Fonte: Metro

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here