Em Brasília, Flamengo e Vasco se reúnem com Bolsonaro por volta do futebol

Rodolfo Landim conversa com Bolsonaro sobre possibilidade de o Fla treinar em Brasília e sobre protocolo do Ministério da Saúde para volta do futebol

Enquanto no Brasil algumas pessoas têm diferentes visões sobre o fim do isolamento social e da reabertura gradual da economia, no Rio de Janeiro os clubes também têm visões opostas sobre o retorno do futebol e dos treinamentos.

Então, nesta terça-feira (19), Márcio Tannure, médico da equipe do Flamengo, Rodolfo Landim, presidente do rubro-negro e Alexandre Campello, presidente do Vasco, participaram de uma reunião em Brasília com o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, para discutir o futuro do futebol.

Na reunião, conforme apurado pela Goal , as partes conversaram sobre a  possibilidade de o Flamengo levar todo seu staff para treinar em Brasília, uma vez que o Estado e a prefeitura do Rio de Janeiro são contrários à volta dos treinos nesse momento – também existe a chance de que o lockdown seja decretado em território carioca. Além disso, houve um pedido para que o Ministério da Saúde crie um protocolo para a volta dos jogos.

Tannure postou imagens do encontro em seu Instagram, mas o detalhe é que mesmo em meio à pandemia do novo coronavírus, ninguém estava usando máscaras. Ainda, em uma outra imagem é possível ver um grupo de mais de dez pessoas almoçando próximas umas às outras e garçons que também não usavam máscaras servindo o grupo de pessoas.

No encontro, Landim também presenteou Bolsonaro com uma camisa do rubro-negro. O presidente da República posou para fotos usando o novo presente.

Cabe destacar que no estado carioca, Flamengo e Vasco são dois dos maiores apoiadores do retorno dos treinos e do futebol de maneira geral, enquanto Botafogo e Fluminense são contrários a essa posição 

O encontro entre Landim, Campello, Tannure e Bolsonaro, claro, rendeu diversas críticas aos envolvidos. Em primeiro lugar, pelo tema discutido no encontro, e em segundo, pelo fato de a reunião ter sido presencial e de ninguém estar usando máscaras.

Fonte: Terra

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here