Pábio Mossoró, faz apelo a comerciantes donos de bares e distribuidoras de bebidas

Por Milton Gonçalves

O Prefeito de Valparaíso de Goiás, Pábio Mossoró, concedeu entrevista para a Associação de Blogueiros do Distrito Federal e Entorno (ABBP), na noite desta terça-feira (19)

O Portal EdiBrasília, relembrou que o município de Valparaíso-GO foi o primeiro município a flexibilizar o isolamento social e que Valparaíso tem a maior quantidade de casos de COVID-19 de todo o Estado de Goiás.

Questionamos ao Prefeito quais medidas foram tomadas em relação a Pandemia envolvendo os bares e distribuidoras de bebidas do município.

Pábio falou que foi realizado uma video conferência com Governador do Estado de Goiás, Ronaldo Caiado e mais 35 prefeitos goianos, discutindo sobre medidas a serem tomadas com relação a pandemia no município de Valparaíso-GO, o prefeito se mostrou preocupado porque a cidade faz limite como Distrito Federal e com as cidades vizinhas do Entorno e que a localidade tem um alto fluxo de pessoas que trabalham diariamente no DF.

Pábio afirmou que Valparaíso tem hoje quase 18 mil pontos comerciais e um shopping grande, e que a flexibilização se deu devido uma cooperação entre o município e os comerciantes locais.

Valparaíso-GO, possui muitos bares e distribuidoras de bebidas próximos as residências e que a prefeitura tem recebido várias reclamações através da ouvidoria, das fiscalizações, das redes sociais e principalmente da comunidade em relação a flexibilização dos bares e distribuidoras, ressalta Pábio.

O Prefeito pede ajuda e concientização dos comerciantes proprietários de bares e distribuidoras de bebidas, pedindo que os comerciantes façam o atendimento restrito, evitando aglomerações, usando o delivery como meio de atendimento, afim de, minimizar o aumento de disseminação pelo coronavírus.

O risco de contaminação nesses ambientes comerciais são maiores, devido o ato de comer e ingerir líquidos não admitirem o uso da máscara, com isso, Pábio destacou que será realizado o monitoramento do comércio através da fiscalização dos órgãos competentes.

Pábio Mossoró, fez um apelo pedindo aos proprietários de bares e distribuidoras de bebidas o cumprimento do decreto municipal, que seja obedecido a redução da capacidade no número de atendimento nesses estabelecimentos comerciais, que se cumpra o horário de funcionamento estabelecido dos comércios, que é até as 23h e a utilização das máscaras de proteção.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here