Ibaneis Rocha anuncia 56 unidades para moradia no Varjão

Empreendimento será destinado a famílias com renda entre 1,5 e três salários mínimos

Os apartamentos terão por dois quartos, sala, cozinha e banheiro | Arte: Divulgação/Codhab

A oferta de moradia digna e redução do déficit habitacional no Distrito Federal chegará em breve ao Varjão. No primeiro trimestre de 2021, o GDF começará a construção de um empreendimento de 56 unidades habitacionais localizado no Conjunto G do Lote 1 da Quadra 11. A entrega do novo residencial ocorrerá no prazo de 12 meses.

Os 56 apartamentos serão compostos por dois quartos, sala, cozinha e banheiro, totalizando 44 metros quadrados cada. O residencial terá cinco torres – térreo, primeiro e segundo pisos –,  todas equipadas com guarita. As unidades habitacionais desse empreendimento serão destinadas a famílias com faixa de renda entre 1,5 e três salários mínimos.

Vencedora do edital, a Associação Comunitária Assistencial de Desenvolvimento Urbano e Rural (Acadur) está encarregada do projeto no Varjão, já aprovado e com alvará de construção. De acordo com a política habitacional do DF, 40% de cada área destinada a moradias de interesse social é reservada para o atendimento de cooperativas ou associações.

Políticas habitacionais

O diretor imobiliário da Companhia de Desenvolvimento Habitacional do DF (Codhab), Marcus Palomo, ressalta o empenho do governo em viabilizar os lotes para a construção do empreendimento no Varjão, uma área de interesse para o desenvolvimento das políticas habitacionais no DF.

“Quando falamos em direito à moradia, ele não pode vir isolado; deve estar acompanhado de equipamentos públicos, como escolas, postos de saúde, transporte, e lá existe uma infraestrutura próxima e muito boa”, destaca.

“Quando falamos em direito à moradia, ele não pode vir isolado; deve estar acompanhado de equipamentos públicos, como escolas, postos de saúde, transporte”Marcos Palomo, diretor imobiliário da Codhab

De 2019 até agora, o GDF já entregou 1.352 unidades habitacionais em Samambaia, São Sebastião e Sol Nascente/Pôr do Sol. Em outubro, foram entregues 56 apartamentos do Residencial Santa Edwiges II, em Samambaia Sul, beneficiando mais de 200 pessoas.

A família do analista de Infraestrutura Caíque Santos de Souza Júnior, 28 anos, recebeu recentemente as chaves de um apartamento no Residencial Ahserc, em Samambaia. “Estamos muito felizes e ansiosos para a mudança”, conta. “A reforma do apartamento está perto do fim e mudaremos no fim de novembro. É um sonho realizado, finalmente ter a nossa casa própria”.

Fonte: Agência Brasília

4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here