Ibaneis nomeia 426 profissionais nas áreas de saúde, educação e desenvolvimento social

Acompanhado pelo vice-governador Paco Brito, o governador Ibaneis Rocha anunciou a contratação de mais servidores para a saúde, educação e área social

Só a área de saúde ganhou o reforço de 86 novos servidores, entre os 426 que serão nomeados até esta quinta (29) | Foto: Brito/Secretaria de Saúde

Em cerimônia no Palácio do Buriti, o chefe do Executivo anunciou a contratação de 86 profissionais na área de saúde, entre médicos, técnicos e profissionais da área administrativa. A educação pública do DF também será reforçada com 184 professores da educação básica.

A Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), por sua vez, ganhou o reforço de 156 novos aprovados no concurso da pasta, realizado no ano passado. Todas as nomeações serão publicadas no Diário Oficial do DF (DODF), entre esta quarta (28) e na quinta-feira (29).

Estamos realmente felizes no dia de hoje, o Dia do Servidor Público, por poder ofertar condições melhores para que eles prestem um serviço de qualidade à nossa população. Que seja um dia cada vez mais festejado a cada passar de ano e que vocês se sintam realizadosgovernador Ibaneis Rocha

Saúde

Todos os profissionais da saúde nomeados foram aprovados no concurso público de 2018. Para o secretário da pasta, Osnei Okumoto, o governo local tem se empenhado em ampliar os serviços e dar condições aos servidores trabalharem. “Estamos cumprindo aquilo que foi prometido a todos, que é o chamamento para os cargos em vacância na Secretaria de Saúde. Com isso, a pasta estará sempre mais forte e oferendo o melhor serviço à população do Distrito Federal”, destacou.

A contar da data da nomeação, os profissionais têm até 30 dias para tomar posse. Após essa etapa, terão cinco dias para entrar em exercício. A data do curso de acolhimento para novos servidores, que é obrigatório, ainda será definida.

Em 2020, a Secretaria de Saúde (SES) convocou um total de 1.106 servidores, sem contar esse último chamamento. Ao todo, foram nomeados 824 médicos, 207 enfermeiros, 74 especialistas em saúde e um técnico. Já em 2019, foram nomeados 376 profissionais de saúde, sendo 200 médicos, 131 técnicos de enfermagem, 27 especialistas em Saúde e 18 enfermeiros.

A subsecretária de Gestão de Pessoas da Secretaria de Saúde, Silene Almeida, destacou a importância dessas nomeações para saúde pública do DF no momento em que a pandemia de Covid-19 demanda reforço no atendimento à população. “Significa respeito e valorização da categoria”, disse, em referência ao fato de a nomeação ter sido efetuada no Dia do Servidor.

Desenvolvimento Social

Além da saúde e da educação, a área social também tem muito a comemorar no Dia do Servidor. Serão chamados 84 técnicos de nível médio, dos quais 74 são agentes sociais da ampla concorrência, sendo 10 pessoas com deficiência (PCD); e mais 10 cuidadores.

Setenta e dois especialistas de nível superior também chegam para ajudar na recomposição do quadro. Desses, 30 assistentes sociais (2 PCD), 17 psicólogos (3 PCD), 10 educadores sociais (2 PCD), 3 administradores, 2 contadores, 1 economista, 1 estatístico, 2 especialistas em Direito e Legislação e 1 pedagogo. Um baita reforço para a área social do governo.

“É um trabalho para reforçar o atendimento à população, principalmente no próximo ano, quando os efeitos econômicos da pandemia podem afetar a quem mais precisa”, aponta o chefe do Executivo local.

Assim que nossa gestão assumiu a secretaria, em maio, já nomeamos 91 servidores deste concurso. Esses novos trabalhadores vão atuar direta ou indiretamente na proteção às famílias e na garantia de direitos do cidadãoMayara Noronha, secretária de Desenvolvimento Social

Durante o curso de formação profissional dos aprovados, o GDF pagou uma ajuda financeira a 757 candidatos. O valor da bolsa foi de 50% da remuneração prevista no edital normativo para o cargo.

Atualmente, a rede de proteção social do Sistema Único de Assistência Social (Suas) do Distrito Federal conta com 67 unidades de gestão direta da Secretaria de Desenvolvimento Social.

Pelos dados do Cadastro Único, são 170.081 famílias inscritas no banco de dados para programas sociais do governo Federal e do GDF e 58.771 famílias são beneficiárias do programa DF Sem Miséria.

Nomeação de 86 novos profissionais na área da saúde:
– 10 médicos da especialidade de neurologia
– 20 médicos da especialidade pediatria
– 3 médicos da especialidade biometria e perícia
– 12 médicos da especialidade geriatria
– 7 especialistas administradores
– 34 técnicos em saúde – especialidade técnico em contabilidade

Nomeação de 184 profissionais na área de educação:
– 184 professores de educação básica

Nomeação de 156 na área de Desenvolvimento Social:
– 72 especialistas
– 84 técnicos

Fonte: Agência Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here