Governador Ibaneis faz blitz em várias regiões administrativas do DF

Ibaneis Rocha sentiu clima e necessidades das regiões administrativas do Riacho Fundo, Riacho Fundo II, Recanto das Emas e Santa Maria

Além da vistoria em obras, ideia da visita é levantar problemas e necessidades das regiões administrativas | Foto: Renato Alves / Agência Brasília

O governador Ibaneis Rocha voltou às ruas do Distrito Federal nesta quarta-feira (24) para visitar cidades e ficar ainda mais perto da população. Depois de visitar São Sebastião e Paranoá na terça (23), desta vez ele passou por Riacho Fundo, Riacho Fundo II, Recanto das Emas e Santa Maria a fim de fiscalizar obras e levantar problemas e necessidades desses locais.

“Em tempos de Covid-19 trabalhamos juntos para a comunidade crescer unida”Ibaneis Rocha, governador do DF

O passeio teve início no Riacho Fundo. Na região administrativa, o chefe do Executivo percorreu quadras da cidade e se dirigiu ao Centro de Saúde nº 3. Lá, conversou com profissionais de saúde e ouviu sobre demandas. Ele prometeu estender o contrato dos agentes comunitários de saúde e dos agentes de vigilância ambiental após um pedido de duas funcionárias. Na cidade, também sinalizou a ampliação da Unidade Básica de Saúde (UBS) da cidade, que é de pequeno porte.

“Estamos aqui olhando os equipamentos públicos e verificando as necessidades juntos dos secretários para trabalharmos juntos”, destacou o chefe do Executivo, acompanhado dos titulares da Saúde, Francisco Araújo; da Economia, André Clemente; e de Esporte e Lazer, Celina Leão.

No Riacho Fundo II, equipe do GDF visitou posto de Saúde da Família abandonado | Foto: Renato Alves / Agência Brasília

No Riacho Fundo II, um olhar aguçado para a saúde. Ibaneis visitou as obras da Unidade Básica de Saúde (UBS) e da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), ambas com previsão de entrega em 2021.

Ele também ouviu dos moradores a necessidade de uma agência bancária na cidade. O pedido foi prontamente aceito e uma agência do Banco de Brasília (BRB) será viabilizada na região administrativa. Enquanto conversava com moradores, o chefe do Executivo distribuiu máscaras. “Em tempos de Covid-19 trabalhamos juntos para a comunidade crescer unida”, disse o governador.

Ainda no Riacho Fundo II, Ibaneis verificou as condições do posto de Saúde da Família, que está abandonado. Localizado na QN 8D, o espaço será demolido e reconstruído do zero.

Palavra de ordem no governo é retomar obras interrompidas em outras gestões e reaproveitar material inutilizado em depósitos | Foto: Paulo H. Carvalho / Agência Brasília

No Recanto das Emas e em Santa Maria, o chefe do Executivo guiou o carro por quadras para ver as condições e limpeza das ruas. Ibaneis também passou por equipamentos públicos para verificar as condições de uso.

Na terça-feira (23), Ibaneis esteve em São Sebastião e no Paranoá vistoriando obras. Nesta visita, ele verificou a necessidade de reparos em pistas, meios-fios, podas e outras necessidades.

No Paranoá Parque, viu de perto o andamento das obras da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e da Unidade Básica de Saúde (UBS), que vão reforçar o atendimento à população da chamada Região Leste de Saúde. Em frente à obra da UBS, ao lado do administrador do Paranoá, Sérgio Damasceno, o governador anunciou a assinatura de decreto que regulariza moradias na cidade. Esta medida vai beneficiar 65 mil famílias.

O chefe do Executivo tem feito essas visitas-surpresa em várias cidades do DF. Há pouco mais de um mês, por exemplo, ele esteve em Ceilândia e Brazlândia para conferir o andamento das obras das UPAs destas regiões administrativas.

Por: Yan Ferraz

Fonte: Agencia Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here