Via-sacra no DF chega à 45ª edição e deve atrair mais de 100 mil fiéis

Michael Melo/MetrópolesÀs vésperas do feriado da Semana Santa, quando acontece a tradicional encenação da via-sacra em Planaltina, o Morro da Capelinha recebe os últimos retoques para o evento. Os organizadores se unem para realizar ajustes no cenário e preparar a 45ª edição, que, segundo eles, deve receber mais de 100 mil espectadores nesta sexta-feira (30/3), a partir das 15h.

Ao todo, 1,4 mil voluntários participam da organização da via-sacra de Planaltina: 800 na encenação e 600 na equipe técnica.

Na sala de costura do grupo, mais de 1 mil metros de tecido já tinham sido usados para confeccionar as roupas dos artistas até essa segunda (26). Segundo a vice-coordenadora da via-sacra de Planaltina, Maria de Lourdes Maciel, 68 anos, a 45ª edição promete muitas surpresas.

“Participo deste evento há 27 anos e, durante oito deles, entrei em cena representando Maria, mãe de Jesus. Costumo dizer que a emoção muda sempre. É muita fé. A gente recebe tantas graças na vida que a única coisa que posso fazer é agradecer”, diz Maria de Lourdes.

Trabalho voluntário
O amor pela via-sacra é tão grande que muitas pessoas acumulam funções. É o caso do motorista Ariovaldo de Oliveira Rocha, 45. Conhecido como Wall, ele é o coordenador da equipe complementar e também vive um dos soldados que conduzem Cristo até o momento de ser crucificado, no dia da encenação.

“Ajudo na organização há pelo menos 14 anos. É sempre muito gratificante. Em 2018 pretendemos fazer um lindo espetáculo para todos que forem nos prestigiar. Com fé em Deus, e de corpo e alma, faremos uma via-sacra brilhante”, afirma.

De acordo com a Secretaria de Cultura do Distrito Federal, destinou-se verba de R$ 1,3 milhão para o grupo de Planaltina, por meio de um termo de fomento. Também houve descentralização orçamentária de R$ 600 mil em emendas parlamentares – importâncias que ficam a cargo dos deputados da Câmara Legislativa – para a Administração Regional de Planaltina. O dinheiro serve para ajudar no custeio da celebração.

Como nas edições anteriores, os responsáveis prometem cenários coloridos e muita emoção durante o espetáculo, que representa os momentos finais da vida de Cristo. Em 2017, mais de 60 mil pessoas assistiram à dramatização.

Outras vias-sacras e programação
Outros espetáculos serão encenados no Distrito Federal. A programação completa pode ser encontrada no site da Arquidiocese de Brasília.

Planaltina
Santa Ceia (quinta-feira, 29/3)
Encenação da última ceia de Jesus Cristo junto aos apóstolos
Onde: Estacionamento do Ginásio de Funções Múltiplas de Planaltina (ao lado da Administração Regional)
Horário: 20h

Paixão de Cristo (sexta-feira, 30/3)
Encenação da Paixão e Morte de Jesus Cristo, a via-crúcis
Onde: Morro da Capelinha, em Planaltina
Horário: 15h

Páscoa (domingo, 1/4)
Shows de bandas católicas
Onde: Estacionamento do Ginásio de Funções Múltiplas de Planaltina
Horário: 18h

Entrada franca

Fonte: CB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here