Pesquisa indica que vendas continuam em queda no comércio do DF

pesquisa-indica-que-vendas-continuam-em-queda-no-comercio-do-dfEntre as causas para a redução no consumo e a queda nas vendas estão: desemprego, alta da inflação, desaceleração do crédito, alta nas taxas de juros e queda na renda do consumidor.

As vendas de abril no comércio do Distrito Federal tiveram uma redução de 5,18% em relação ao mês de março. Já no setor de serviços, a queda foi de 4,83%. De abril de 2014 até abril de 2015, a variação ficou em -15,48%. Os números são da Pesquisa Conjuntural de Micro e Pequenas Empresas do Distrito Federal do Instituto Fecomércio, divulgada nesta terça-feira (26).

De acordo com o instituto, entre as causas para a redução no consumo e a queda nas vendas estão: desemprego, alta da inflação, desaceleração do crédito, alta nas taxas de juros e queda na renda do consumidor. Para o presidente do Fecomércio, Adelmir Santana, os feriados prolongados também contribuíram para a queda nas vendas. “Em abril, tivemos dois feriados prolongados, o que impacta diretamente nas vendas também. As oscilações impedem ainda a construção de um cenário definitivo de recuperação das vendas para o ano de 2015, sendo fundamental o monitoramento nos próximos meses com comparações imediatas e acumuladas para uma melhor avaliação prospectiva”, afirma o presidente.

Segundo o instituto, somente os setores de óticas, autopeças e acessórios, farmácia e perfumaria tiveram um aumento no número de vendas. O segmento de aluguel de artigos para festa teve a maior redução, com -21,88%; seguido de reparação de eletroeletrônicos, com -13,20%; casa de eventos, -6,72%; ensino de idiomas, -5,95%; e agência de viagem, -3,88%.

Fonte: Fato Online

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here