Capitão presidente enquadra general ministro sobre compra de vacina

Bolsonaro se irrita com anúncio de acordo de Pazuello para comprar vacinas. A insatisfação foi manifestada em mensagem do presidente a ministros, por celular

Live da Semana – Presidente Jair Bolsonaro – 06/08/2020

O presidente Jair Bolsonaro decidiu cancelar o acordo firmado pelo Ministério da Saúde para a compra de 46 milhões de doses da CoronaVac, a vacina contra covid-19 desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac Biotech em parceria com o Instituto Butantan, de São Paulo.

O acordo do Butatan com a Sinovac, o laboratório chinês responsável pela vacina, prevê 46 milhões de doses. Dessas, segundo o instituto, 6 milhões virão prontas da China e 40 milhões serão finalizadas no Brasil.

Não está claro a quais doses Bolsonaro se refere ao dizer que não comprará vacina da China.

Bolsonaro escreveu a ministros que “não compraremos vacina da China” e reforçou que seu governo não mantém diálogo com Doria sobre Covid-19. A mensagem foi divulgada inicialmente pelo site Poder360.

Fonte: Radar DF

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here